"Palmirinha Onofre - A receita da minha vida”

Ontem comprei vários livros. À medida que for lendo vou comentando aqui.
Antes de falar deles, deixem-me contar sobre o atendimento dispensado a mim, por uma funcionária da Livraria Saraiva (Rua Sete de Setembro, no centro do Rio de Janeiro).
Cheguei com uma pequena lista de livros que queria comprar lá na tal livraria, onde sempre fui muito bem atendida. Primeiro tentei encontrá-los sozinha, mas como não estava tendo sucesso na busca, resolvi pedir ajuda de uma funcionária. A criatura deve ter outro emprego em vista, pois é impossível que alguém com o seu comportamento não tenha isso em mente.
O diálogo entre nós foi mais ou menos assim:
- Boa tarde. Você poderia me ajudar verificando se aqui na loja esses livros estão disponíveis?
A linda mocinha não responde ao meu cumprimento, mas vai falando:
- Olha aqui, vou ver se o sistema ainda está fora do ar. Se tiver, volte outro dia.
Ela começa a verificar o sistema no terminal e uma colega chama por ela, dizendo que o marido da mesma estava ao  telefone. Sem se virar para a colega do outro lado, quase que ordena  a transferência da ligação para o telefone do seu balcão.
Assim fez a outra funcionária. (Eu... esperando a verificação no sistema). O bendito do telefone tocou, ela pegou para atender e a ligação caiu. Junto deve ter caido o mundo dela, pois passou a reclamar, praguejar, chamar a outra de incompetente e por aí foi. (Continuo esperando...)

Depois de um bom tempo onde mentalmente eu recitava mantras de paciência, ela sem me olhar, devolve-me a minha lista e diz:
-É, acho melhor a senhora continuar procurando nas prateleiras ou ver se tem  naquela outra livraria ali na frente...
- Você não pode me ajudar na busca pelas prateleiras?
- Não. A senhora vai procurando pelo assunto. Quer uma cestinha?
- Não obrigada. Isso eu sei onde fica. Boa tarde.

Fui comprar os livros em outra livraria.

.........................................................................................................

Agora falando sobre um dos livros : "Palmirinha Onofre - A receita da minha vida”. 
O livro foi comprado ontem, tem aproximadamente 170 páginas que devorei com muito gosto. Que história linda! Difícil, inclusive relatando uma relação complicada entre mãe e filhos, que mesmo hoje a Palmirinha tendo seus 80 anos, não esconde as marcas que a falta do amor de sua mãe, trouxe para sua vida e dos irmãos. Comovente, demonstrando o nobre sentimento do perdão. Incentivo e exemplo, pois a virada em sua vida aconteceu quando já era madura.
É uma leitura que recomendo. A trajetória de Palmirinha é fantástica e nos leva a uma grande viagem a partir de Bauru - SP (1931) e acaba chegando certamente ao nosso dia a dia, sacudindo comodismos e falta de coragem.


Sem perder o bom humor, as leituras ficam mais simpáticas com esses marcadores...


Com ótimas leituras e marcadores fofinhos, sigo saboreando a vida...

15 comentários:

LaReK postou o comentário número:

Acho a Palmirinha tão fofinha... dá vontade de apertar, não dá?

Quanto à vendedora, se é que ela pode ser chamada assim, tomara que ela encontre algo diferente mesmo para fazer. Bem que vc fez em ir a outra loja.

Beijinhos, RÊ!

Angela postou o comentário número:

Olá Renata, me deu uma vontade louca de ler este livro. Mas aqui, acho impossível achá-lo.
Se um vendedor aqui tratar um cliente deste jeito, ele é mandado embora e nunca mais consegue emprego em outro lugar. Aqui nao somos tratados assim.
Beijos querida amiga e um ótimo dia.

Rô... postou o comentário número:

oi Renata,

vamos lá,
caso vendedora,
penso que ela está
no emprego errado,
quem lida com o público,
tem no mínimo a OBRIGAÇÃO
de ser educada...

caso compra de livros,
é uma delicia entrar
numa livraria e sair em
busca dos nossos desejos
literários...

caso Palmirinha,
ela é mesmo um exemplo de vida,
com muita coragem e humildade
deu uma virada em sua vida,
linda...

caso marcadores,
eu também quero...

e pra você Re,
beijinhos gelados
de SP

Maria Cândida postou o comentário número:

Oi "amiguinha" !!!! Tudo bem ????
Muito obrigada pelas visitas e coments. Vc é muito gentil.
Sabe, qdo vamos em uma livraria (somos "traças" de livros, principalmente minha filha mais velha - este é um passeio semanal) meu marido prefere procurar os livros que temos interesse. Ele diz que conhece melhor que o atendente e não precisa ouvir palavras desagradáveis ou ver a cara de má vontade que alguns demonstram. Infelizmente temos que agir assim mas vc sabe que é muito gostoso fazer isso.Além de descobrir novos títulos, dá para admirar encadernações, desenhos variados e etc.
A Palmirinha é um encanto de pessoa. É um exemplo de força de vontade. Eu gosto muito dela e por coincidência, temos 2 marcadores de livros iguais aos seus. É uma gracinha, né ?
Até mais. Estou sempre atenta aos seus textos.

Bjs carinhosos

Maria Cândida
oprazerpeloartesanato.blogspot.com

Val postou o comentário número:

Ai Re...eu vou procurar o livro pra ler, eu adoroooo a Palmirinha, quando estava de férias não perdia um programa dela...rs
E fala sério hein...eu tinha chamado o gerente da loja na hora e feito uma reclamação na frente da bonita...o mínimo que você tem direito é ser bem atendida!!!

Bjks

Val
www.balaioediariodaval.blogspot.com

Ana de Geo postou o comentário número:

Oi, Guidinha!
Lindo o exemplo que vc deu da Palmirinha. Não sabia que ela escreveu um livro, a primeira vez que a vi foi no CQC.
Quanto à moça da livraria, esquece ela, vai! Seu dia com certeza ficou muito melhor depois que saiu da presença dela! Tomara que ela tenha aprendido alguma coisa com vc, mesmo sem se olhar nem ouvir.
Um forte abraço e fica com Deus!

Lúcia Bezerra de Paiva postou o comentário número:

Ainda bem, Guidinha, que depois da ANTIVENDEDORA(eu teria procurado logo o "chefe" dela), você nos brinda com dois mimos: a trajetória da Palmirinha e esses encantos de marcadores de livro...fofíssimos, Palmirinha e os marcadores...
ah!!!!! e a blogueira, então, fora de série!!!!

Cheiros, cearenses

Jud postou o comentário número:

Olá querida,
Grata pela visita!
Pois é, esta coisa de sermos mal atendidas, dá um mal estar...acontece que essa pessoa devia estar de mal com o mundo!
Esta história da Palmirinha, deve ser muito bonita.
Grande beijo,
jud-artes.

Mônica postou o comentário número:

Renata
Eu adoraria ler sobre esta senhora. Mamae já pediu pra nossa Valéria fazer muitas receitas dela. Mamae a adora.
Boa dica!
com saudades Monica

Conceição postou o comentário número:

Olá Renata,

Mas que queridos!!! Gostei imenso deste marcadores, parabéns.
Beijinhos, bom fim de semana e bom dia das mães.
São

Cleide Ana Rota postou o comentário número:

Oi flor!
Que boa sugestão de leitura e até mesmo de presente para o dia das mães. Tudo que há de melhor, adoro você; beijos com carinho.

Nile postou o comentário número:

Oi Renata.
Mas que balconista hem?!?!?!
Obrigado pela dica dolivro.
Seus marcadores estão um amor.
Feliz dia das mães para voce.
bjtos.Nile.

Sonhos De Deus postou o comentário número:

Minha linda não podia deixar de vir ... um lindo dia das mamães vc é muito especial ja ti gostooo muitooo que vc seja querida e amada por toda tua vida papai do céu ti ilumine cada dia maisss viu? bjks no teu coração!!!

Gratissima postou o comentário número:

Prontoooo... agora vou ser "obrigada" a incluir esse livro na minha lista de futuras leituras... rs
Obrigada pela dica!
beijinhos,

rose japan postou o comentário número:

Guidinha...adorei o texto, nao generalizando...mas muitas pessoas que voltam a passeio no brasil qdo retornam reclamam disso do atendimento...aqui eles são de uma educação incrivel, vc entra numa loja eles dizem sejam bem vindos...mas tbm nao ficam em cima te dão liberdade...mas sempre que atendem é com um sorriso no rosto e o cliente está em primeiro lugar, se vc for em alguma prateleira e eles tiverem colocando as mercadorias, naquele momentos eles te pedem desculpas e saem de lá até vc se retirar...acho muito legal esse respeito....
Adorei sobre a vida da palmirinha e achei bem interessante o livro e ela é tão lindinha...ai guidinha, nunca vi desses marcadores...eles sao de pulucia mesmo:::???? Parecem vendo a foto...amei...eles são lindosss.
Bjao logo, logo, tb vou ler seus textos todos, sempre que dá venho ler alguns...
rose

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...