Minha fase lua nova...

Tem acontecido tanta coisa por aqui... Muitas coisas boas, outras difíceis de serem vividas. O coração tem estado apertado com problemas de saúde enfrentados por pessoas muito queridas, mas parece que com isso Deus que sempre anda junto, acaba se alojando dentro do peito e começa a me mostrar detalhes de pura beleza da vida que costumam passar sem serem notados.
Encontros casuais com amigos, telefonemas inesperados de quem não está sabendo de problema algum, histórias que chegam aos meus ouvidos, me dando a certeza de que vale a pena manter o coração receptivo.
Ao mesmo tempo, hora de tomar algumas iniciativas, decisões que não podem esperar... Ufa, tanta coisa que por alguns segundos falta fôlego, mas vamos lá respirar fundo, encher o pulmão e... Energizar esse corpito que Deus me deu, pra ir à luta. Tem gente que conta comigo, pensando que sou forte, que tenho coragem, que sou cara de pau... Nada, nada disso. Eu sou é doida mesmo.
Mais uma vez enfrento a sessão destralhamento da casa, descartando roupas de verão, agasalhos e cobertores que não serão usados, objetos que quando durmo devem entrar em processo de reprodução, já que vão surgindo como por encanto. Parece que tudo que compro, vem com algo acompanhando de brinde. Só pode ser isso ou aquelas bolinhas de gel, minúsculas vêm na poeira e quando encontram a atmosfera dessa casa, se transformam em alguma tralha.
Aderi faz tempo as tais sacolas retornáveis e nem as famigeradas sacolinhas plásticas descartáveis tem entrado aqui com a frequência anterior. Não vou descansar enquanto não convencer esse povo aqui (minhas filhas) de que menos é mais. Sim, menos coisas correspondem a mais tempo livre, mais espaço, mais ar circulando, Mãe Renata mais feliz!
Vou ter que baixar uma "medida provisória" por aqui. Para cada objeto que entrar é necessário dar destino para no mínimo três, caso contrário terei que abrir a janela e fazer um puxadinho e isso vai gerar uma guerra no condomínio.
Se não bastasse tudo isso, caiu de paraquedas em meu colo, um novo (transitório) desafio profissional estilo batata quente, que juro não ter procurado...
Essa postagem sem pé nem cabeça é só uma amostra do porque ando calada sem postar ou visitar vocês. Entenderam alguma coisa? Nem eu... 
Agora está chovendo, mas tenho certeza que logo poderei ver novamente a lua no céu! Acredito estar vivendo a fase da lua nova (ninguém vê, mas está lá). Isso não faz parte de minha loucura, é na verdade a fé que habita em mim.
  Essa aí é a última lua que apareceu aqui em minha janela... Já estou esperando-a de volta!

8 comentários:

Rô... postou o comentário número:

oi Re,

nossa amiga,
quantas coisas juntas,
não é a toa que você anda sumida,
sempre temos prioridades,
e nesse momento sua vida anda meio atribulada demais,
feito lua nova,
ou feito lua cheia...
não sei não...
mas mesmo sabendo de suas ocupações,
estou com saudades!!!

beijinhos

Turquezza postou o comentário número:

Como sinto falta das suas palavras.
Parece, disse parece, que entendo o que você está passando.
Por aqui está mais ou menos assim ........
E tem 4 estações, que nem a Lua, cada uma diferente, mas é a mesma Lua.
Arrumar armário é arrumar a vida! Ou embolamos tudo ou arrumamos tão direitinho que sobra espaço.
Realmente menos é mais, principalmente quando vamos ficando mais sabidas com o tempo a mais que vamos vivemos.
Quando as coisas melhorarem, nos veremos, tenho certeza.
Continue "louca rsrs" é assim que gostamos de você, lutadora e divertida.
Saudades.
Beijos querida.

✿ chica postou o comentário número:

Estamos na mesma,então! Doença em família mexe mesmo conosco e temos que estar fortes pra passar a força para eles que precisam.

Te entendo muiiiiiiiiiiito bem!!1 beijos,fica bem, tudo de bom e na torcida aqui e lá! chica

Ana de Geo postou o comentário número:

Postagem louca, mas gostosa de ler! hehehe
Essas fases nos acompanham, é como a lua mesmo, mudando e mudando, mas sempre está lá firme e forte... Sobre as minhas meninas...
Own Guidinha, e não é? Essas fofas ainda me matam do coração. Sei que às vezes elas me aperreiam um bocado, mas isso é fruto da minha imaturidade como mãe, elas são ótimas filhas, e eu sou muito feliz por tê-las na minha vida! Quanto a papai, você pode imaginar como o meu coração está feliz! *-------*
A felicidade parece que resolveu se instalar de vez aqui em casa! Apesar do trabalho que ainda estou tendo com o cuidado dele no hospital, me revesando com Nadja (irmã mais velha), mas nem sinto o tempo passar... A verdade é que estou feliz, e quando estamos felizes, o tempo passa que nem vemos. Pra ficar melhor, só falta Geo voltar rapidinho! hehehe
Se precisar de mim pra conversar, costurar meias, catar pulgas na gatinha, descascar alho, qualquer coisa, estou aqui, tá? Posso não responder na hora, mas sei que assim que vir a mensagem, retorno! Obrigada por tanto carinho!
Beijos e fica na Paz!

Mônica postou o comentário número:

Renata
Nos estamos aqui em bH pelo mesmo motivo medicos remedios e ping pong de novo, mas mamae esta otima. Voltaremos pro interior amanha.
E eu estou ficando surda acreditam?
com carinho Monica

Helena Compagno postou o comentário número:

Tô na linha, amiga. Fale que eu te escuto.
Beijos

Leninha postou o comentário número:

Oi amiga querida!

Lá fora continua chovendo,o frio está apertando,mas mesmo com tantos problemas,você continua nos fazendo rir com sua crônica perfeita,com sua alegria interior que nada nem ninguém,derrubará.
Gostaria demais de saber ter o "jeito Guidinha"de arrumações e desapego...infelizmente,nem o tempo de vida me ensinou isto e continuo como o"pessoal da sua casa",para desespero de minha irmã,louca para esvaziar armários de roupas e sapatos.
Espero que as tempestades passem e a bonança volte a reinar...com lua e tudo o mais.

Bjsssssss,
Leninha

Valéria Ferro postou o comentário número:

Renata, não entendi......li várias vezes e percebi que algo está te entristecendo,mas nao entendi.
Mas posso te dizer que se eu contar meus dias ultimos, acho que vamos nos dar a mao e chorar juntas......ou rir ...Creio que Ele lá em cima nos diz alguma coisa, todos os dias, só temos que prestar a atençao.
Bj e conte comigo
Valeria

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...