" Viajando "...



Depois de muito tempo, uma longa postagem...

Cada vez que me autoanaliso, constato que fujo completamente do pacote padrão das criaturas terrenas. Ando muito próxima de ser um Et.

Não costumo assistir novelas e quando assisto algum capítulo é para acompanhar o marido que é noveleiro.

Os livros que leio estão geralmente fora da lista dos mais vendidos...  Lamento informar, mas os “Cinquenta tons de cinza” passaram longe de mim, não me empolgo com esse tipo de leitura. Tenho necessidade de uma literatura mais colorida, lírica, satírica... Gosto de crônicas e biografias. Não li nem mesmo o tão famoso "Segredo" que foi livro de cabeceira de alguns por bastante tempo. Nunca consegui passar das cinco primeiras páginas de qualquer um desses propalados livros de autoajuda. Confesso que não contribuí para o recorde de vendas de nenhum deles.

Sinto-me infinitamente melhor no período do inverno que no verão, por isso minha “praia” é a serra.

Cozinho com prazer, mesmo o trivial. Quero mesa posta, comidinha colorida sem “aditivos” (que fazem os mais diversos pratos ficarem com o mesmo sabor). Desejo que o jiló tenha o amargo natural, o quiabo a viscosidade própria e não haja disfarce. Seja sardinha ou salmão, o sabor diversificado é o que me seduz.

Dificilmente um perfume me agrada. É preciso que seja suave, tenha uma fragrância que inebrie a alma, mas não me embrulhe o estômago.

Quanto às roupas que uso, não são as da moda... Sou chata de lascar neste quesito. Detesto ser comandada por esse negócio de “tendência”...  Pulseiras e muitos anéis me deixam com “falta de ar”. Maquiagem é uma palavra que só consigo traduzir como lápis e batom. Dificilmente estou com as unhas sem pintar (só quando amigas blogueiras marcam encontro no dia em que habitualmente vou à manicure), porém tem um probleminha, nunca sei dizer o nome ou marca do esmalte que estou usando. Escolho assim: vermelho, rosa, vinho, azul, francesinha...

Refrigerantes representam no máximo 1% dos líquidos que consumo.  Fornecedores de bebidas alcóolicas não devem contar comigo para contabilizarem seus lucros.

Nunca fui ao analista. Talvez seja tão louca que acredite piamente não ter problemas existenciais.

Nunca tive animais de estimação. Tenho imensa dificuldade de me sentir “dona” de algum. Converso com lagartixas, borboletas, passarinhos, joaninhas, gatos, cachorros, periquitos, papagaios... Sem distinção ou preconceito, embora minha paixão sejam os macacos, caxinguelês e maritacas.

Só descubro a existência de alguns ídolos atuais, quando eles morrem (as filhas ficam horrorizadas com isso). Não sei o nome da maioria dos “famosos” . Sou capaz de me sentar pra almoçar com alguns e deixa-los tremendamente ofendidos por não fazer a mínima ideia de quem são.

Minhas escolhas políticas não são movidas pela massa. Quando me manifesto faço em meu nome, com minhas próprias palavras. Talvez tenha uma memória política aguçada demais e não me esqueça das atitudes de alguns representantes do povo e seus pares quando no poder .  Sei exatamente em quem votei em todas as eleições.

Não tenho paixão por sapatos.

Sinto necessidade diária de “destralhar” a vida. Vou me sentindo sufocada se gavetas e armários estiverem abarrotados de coisas fora do uso rotineiro.

Sou torcedora do Fluminense por inúmeros motivos, mas se ele cair para segunda divisão não ficarei infeliz por isso. Perder ou ganhar é uma questão de estar jogando. Não jogo com a vida.

Professo minha fé católica com convicção e como cristã, aceito a liberdade de opção religiosa de todos. Religião precisa abrir janelas e portas da alma, mas cada um sabe sua necessidade de sol e luz.

Não tenho nada especial em casa somente para receber visitas. Recebo as pessoas  exatamente da forma que vivo o dia a dia. Acredito que o luxo é poder me dar o luxo de ser natural.

Sou completamente apaixonada pelo marido, encantada pelas filhas, toco piano, faço crochê, cuido de plantas, sou aposentada e tenho um blog . E daí? Juro que isso não me torna uma pessoa perigosa para sociedade.


Nem todo Et é perigoso, alguns só tem um estilo próprio de viver. Assim, entrei em minha nave abastecida com o combustível da disposição e alegria de viver e não medi distância. Viajei ontem ( 4/12/2013 ) para uma confraternização com blogueiras queridas (que ao lerem esta postagem poderão me conhecer um pouco mais - só espero que depois dela não desistam de mim...), cultivar amizades, partilhar e saborear a vida.


   Vejam que show algumas fotos do nosso encontro em Niterói – RJ.



   Jô Turquezza, Roberta, Calu, eu, Tetê, Neiva e Rosélia...(faltado nesta foto a Norma e a Lin).


                                                       Tetê, Rosélia e Lin.



                                                       Calu, Norma e eu.



                                                           Calu e Jô...



                                                          Tetê e Roberta...



                                                             Neiva e eu...



                                                           Rosélia e eu...







A alegria e espontaneidade da Calu ao lado da Norma...

Não vou descrever o encontro, pois nada melhor que observar o semblante de cada uma de nós para saber o quanto a tarde foi especial. 
Trocamos diversas lembranças, mas a lembrança maior não veio para casa comigo dentro de nenhuma sacola, trouxe-a dentro do coração. Um encontro absolutamente carregado de leveza, fraternidade, alegria e muito carinho é impossível de ser esquecido.
 
Visitem  cada uma delas e me contem se vocês não gostariam de ter participado também...






                               Calu          http://fractaisdecalu.blogspot.com.br



                             Jô              http://turquezzavariedade.blogspot.com.br




 
                                 Lin            http://linsousa.blogspot.com.br





                   Neiva       http://somandobelezaporneivamarins.blogspot.com.br





                                  Norma      http://pensandoemfamilia.com.br





                                Roberta     http://www.chocolitos.com.br






                              Rosélia     http://www.espiritual-amizade.com.br






                                    Tetê          http://sempredebemcomvida.blogspot.com.br




Deixo aqui o meu carinho e agradecimento a vocês Jô, Roberta, Calu, Lin, Tetê, Neiva, Rosélia e Norma por terem trazido mais sementes do bem para minha vida!


8 comentários:

Vera Moraes postou o comentário número:

Muito legal seu post e a maneira como vc se definiu. Aliás, um exercício que fujo. Entendo sobre os encontro com amigas pois fui mordida por esse bichinho de felicidade virtual que virou real. Grande bjo pra vc!

✿ chica postou o comentário número:

Renata, adorei saber mais de ti e me dientifiquei com quase tudo.Também não sou de frescuras alguma! E esse encontro fica no coração mesmo! Já vi nas amigas que passei e foi realemnte animado, feliz e tomara se repita novamente! beijos,lindo fds! chica

Silvana postou o comentário número:

Assim como vc gosto de biografias, então li a sua, lógico. E vi que temos vários pontos comuns. Mas jiló, definitivamente NÃO.
Encontros com amigas blogueiras são fantásticos. Bendita net. kkkkkkk
Vou cirandar pelo seu blog, tá?
Abraços, que são melhores que analistas.

Jô Turquezza postou o comentário número:

Você maravilhosa como sempre, amiga querida.
Já sabia de muitas coisas sobre você (ao ler sempre seu blog percebo rsrs).
E disse tudo, trouxemos dentro do coração muito mais do que nas bolsas.
Beijos lindinha!

Orvalho do Céu postou o comentário número:

Olá, querida Renata (Guidinha)
Menina, vc me emocionou até a alma...
Pelo amor de Deus, me mande minhas fotos (via e-mail) pois vc conseguiu me fazer linda, maravilhosa...
Oxalá, eu fique brilhando assim por dentro, no interior, em meu coração... Deus me conceda essa grande graça!!!
Que VC seja sempre feliz e abençoada!!!
Aguarde-me voltar das férias com a família para marcar em Terê... Help!!!
Obrigada pelo seu carinho imenso e sua reflexão em dizer o que 'não disse' sobre nós...
Parabéns, amiga!!!
Fui me identificando com VC em quase TUDO... Religião sem estigmatizar os demais que partilham fé diferente da minha... Gol!!!
Só não sou Fluminense de time...rs...
Noutro dia, no aeroporto de Fortaleza 'passei certa vergonha' (nem me importei um pouco) por não conhecer dois escritores famosos que tomavam o mesmo voo que eu... minha amiga apresentou-me os da 'society' e eu lhes disse, com toda tranquilidade: Muito prazer, não os conhecia... paciência!!!
Gosto de animais, flores mas não posso mais tê-los (entretanto me deram dois tipos que suportam bem a minha ausência e o filhote me socorre quando me estendo) porque me prendem e não posso ser livre para voar por aí... conhecendo pessoas espetaculares como as blogueiras amigas que Deus me presenteia...
Já fiz piano, teclado... faço crochê e sou aposentada... tenho 15 blogs... rs...
Fico apavorada se meu guarda roupa está como agora: entulhado (ainda que arrumadinho)... saio doando pois faz falta pra muitos... ainda bem que minha tia vem da roça amanhã aqui em casa e vou arrumar hoje uma bolsa... Ufa! Que alívio! E dos grandes...
E, quanto ao parágrafo que diz sobre a simplicidade.. Per-fei-to!!! Também vivo na maior singeleza pois me dá um tremendo mal estar morar parecendo um museu... Aliás, tenho problema de saúde e não posso me desgastar o dia todo com vassoura e espanador na mão pra satisfazer o ego do luxo... Arreda-te... Nem dim de profe dá pra luxo... rs...
Enfim, vc me levantou a auto estima comum post nota dez... Parabéns!!!
Bjm de paz e bem

pensandoemfamilia postou o comentário número:

Oi querida
Gostei muito da ideia que teve de se descrever, assim a conhecemos um pouco. Quanto a ser ET, quem não é? Somos todos ensimesmados com o que preferimos, daí a riqueza dessa vida (diferenças).
Obrigada por tão lindas fotos.bjs

Roberta Lito postou o comentário número:

Adorei o seu texto, infelizmente poucas pessoas são como você, ao natural, as pessoas vem se perdendo por tudo, por mais dinheiro, mais ostentação e outras coisas e no fundo no fundo não passam de criaturas sós!

Me senti totalmente a vontade com todas e estou muito feliz que o mundo virtual tenha me dado tantos presentes, que hoje em dia é difícil achar em qualquer esquina, a amizade é valiosa e temos que preservá-las de qualquer maneira. Beijo Rê!

Calu B. postou o comentário número:

Renata,
fiquei tocada com tuas palavras e quanto a ser ET, te conto um segredo conterrânea: eu também sou.
Nós estamos liiindas nestas fotos...tô me sentindo,rssrsrs
Vamos prum repeteco, heim?
Bjos mil, Rê.
Calu

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...